terça-feira, 6 de novembro de 2007

Tropa de Elite 2

Tropa de Elite é o filme mais visto e mais comentado da história do cinema no Brasil.
Escrevo esta frase exatamente um mês após a estréia do filme em 65 salas só na grande São Paulo.
Trinta dias depois esse número caiu para 44.
O filme custou 11 milhões de reais. Teve até agora, um milhão e 900 mil espectadores e pouco mais de 10 milhões de arrecadação.
Resumindo, um mês depois de sua estréia o filme ainda não se pagou. Lucro então? Vai demorar um pouco...
Agora a tendência é que o número de salas diminua progressivamente e o filme comece a registrar um número sensível de queda na bilheteria como aconteceu no último fim de semana que registrou 31% a menos de interessados em conferir as aventuras do Capitão Nascimento nas telonas.
Esses números não representam precisamente o sucesso que o filme merecia. Parte do que explica esse movimento é a pirataria. Pesquisas encomendadas pela distribuidora apresentaram dados estarrecedores: mais de 14 milhões de pessoas já assistiram ao filme sem ter ido a um cinema. Isto é, assistiram a uma cópia pirata.
Não é preciso ter um MBA em administração de empresas para perceber que com um gráfico desse, não dá pra ver com muita alegria o futuro da indústria do cinema no nosso país. É muito caro produzir para tão pouco e tão demorado rendimento. A produção audiovisual no Brasil vai sobreviver a isso? Por quanto tempo?
Vai pegar geral...

Um comentário:

Dentinhos disse...

Um filme que mostra oque todos já saben mas não fazemos nada.

Adorei este filme!!!!!!!!!!!!!!